Novidades Fraiha

Você sabia que nem todo apartamento de alto padrão é grande? Saiba as diferenças!

O mercado de apartamento de alto padrão está em alta. Segundo o Sindicato de Habitação, o Secovi, só em 2018 foram construídos 2.134 imóveis de luxo. Deles, mais de 1.600 foram vendidos. Isso representa um crescimento de 123% em relação ao ano de 2017. 

Com o crescimento do mercado, entretanto, surge a dúvida: o que realmente pode ser considerado um apartamento de alto padrão? Enquanto alguns condomínios oferecem o “feijão com a arroz” bem feito, outros apresentam apartamentos de metragens significativas, atrelando esses números ao conceito de alto padrão. Mas será que na hora de comprar um apartamento de luxo, o tamanho faz tanta diferença assim?

Apartamento de alto padrão: tamanho não é documento

Quando pensamos em alto padrão, pensamos em praticidade, otimização, no alinhamento de tendência com raridade. Mais do que a questão do espaço, os apartamentos de luxo se preocupam com a experiência que o espaço vai causar. Para criar uma experiência agradável, é preciso levar em consideração a pessoa que irá ocupar o apartamento. E aí entra a questão do espaço.

A experiência do alto padrão entende e respeita o valor do seu tempo. É justamente por isso que, nesses casos, tamanho não é documento. Um apartamento enxuto pode estar muito bem preparado para oferecer a melhor experiência possível. Se bem acabado, bem equipado e com o espaço otimizado para oferecer praticidade no dia a dia, um condomínio pequeno possui muito mais valor do que um apartamento grande que tira a praticidade do morador. Em outras palavras: menos, por vezes, é muito mais.

Outros diferenciais do alto padrão

É claro que a metragem não é o fator determinante para que um apartamento seja considerado de alto padrão. Independente do tamanho, é preciso que o local seja equipado e preparado para sanar todas as necessidades do morador, sem tirar sua praticidade ou atrapalhar seu dia. É por isso que listamos algumas outras características que você deve levar em conta quando for escolher eu condomínio de alto padrão:

1. Localização

Nenhum apartamento de alto padrão estará localizado num bairro que também não seja considerado como tal. Assim, quanto mais o bairro for considerado nobre, maior a incidência de condomínios de alto padrão – independente do tamanho. Normalmente, esses bairros são dinâmicos e completos, apresentando escolas, faculdades, comércio, lazer e cultura, tudo a poucos passos. É o caso, por exemplo, da Casa Mariana: localizado no coração da Vila Mariana, bairro que oferece uma experiência única para o morador, que além de ter tudo próximo, ainda conta com várias vias de acesso a todos os cantos de São Paulo.

2. Área de lazer

O conceito de alto padrão se estende à área de lazer do condomínio e tudo o que ela pode proporcionar. Quanto mais opções de entretenimento e lazer sem precisar sair, melhor. E não pensamos apenas em crianças: além de amplos playground e brinquedotecas, quando falamos em área de lazer completa também devemos considerar as piscinas aquecidas e cobertas, os SPAs, quadras para a prática de vários esportes, salão de jogos adultos e outros diferenciais que farão você ter uma experiência completa na hora de se divertir e relaxar a mente. E o Dimension Vila Olímpia é projetado exatamente para isso – além de tudo o que foi citado, ela ainda conta com quadra de tênis, espaço gourmet, academia e muitas outras opções para cuidar do corpo e da mente dos adultos e crianças.

3. Tecnologia – segurança e conforto

A tecnologia facilita nossa vida, e não seria diferente quando pensamos em apartamentos de alto padrão. Desde o conforto à segurança, um condomínio de luxo investe pesado em itens tecnológicos que facilitam o nosso dia a dia. São os recursos automatizados. É o caso, por exemplo, das fechaduras biométricas e elevadores privativos – inclusos do Saphir – evitando o uso de chaves, aumentando a segurança do morador. As persianas automatizadas são outro exemplo, dessa vez voltado para o conforto e comodidade.

4. Iluminação

Nenhum ambiente de alto padrão é mal iluminado. Amplas janelas, para aproveitar a luminosidade natural do dia, e um ótimo esquema de iluminação elétrica são imprescindíveis na hora de definir o alto padrão. É o caso do Saphir, que, além da ótima luminosidade interna, possui caixilhos diferenciados que propiciam maior iluminação.

Ficou curioso para conhecer os apartamentos de alto padrão da Fraiha? Então visite um decorado e desfrute de tudo o que o alto padrão pode te oferecer!