Conteúdos Fraiha

Investir em imóveis é seguro diante da crise do coronavírus?

Neste momento de incertezas, em que o mundo acompanha as crises geradas pela pandemia do novo coronavírus, tanto na saúde como na economia geral, é comum buscar alternativas para economizar e investir o dinheiro de maneira segura. Investir em imóveis é uma prática muito comum em diversos lugares e, no Brasil, não é diferente.

A grande questão é: investir em imóveis ainda é seguro?

Para responder a esta questão e outras que rondam o mercado financeiro, o diretor da Fraiha Incorporadora, Marcelo Fraiha, conversou com o economista Pablo Spyer, diretor da Mirae Asset e conselheiro da Ancord, no Podcast Viver Fraiha.

Spyer fez um panorama sobre o mercado brasileiro no momento, relembrando, também, que as apostas na economia nacional estavam todas voltadas para 2020, depois de um ano de baixo crescimento, resultado da dificuldade do Governo em destravar algumas reformas, como a da Previdência.

Para o economista, o otimismo durou pouco, por conta da Covid-19, que desacelerou a economia mundo afora. Na conversa, ele também cita que os efeitos do distanciamento social foram sentidos desde o início e não há previsão para que os índices voltem a um estágio animador.

Por outro lado, Spyer acredita que a mudança no padrão de consumo brasileiro pode ser positivo para quem pretende investir em imóveis, com destaque para os residenciais. Baseado nos baixos índices de inflação e de juros, o executivo aposta nos imóveis como um investimento seguro neste momento.

Confira a conversa na íntegra

 

 

Modern Life Fagundes Filho

Saúde
70m²
2 dorms (1 suíte)
550m da Estação S. Judas
2 vagas determinadas

Receba mais informações


Você é um robô? O sistema irá remover a acentuação da resposta automaticamente.